quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Brasil passa de 260 milhões de linhas ativas de telefonia móvel

Crescimento de linhas móveis reflete também em número de acessos por internet 3G. 

Por Nilton Kleina 
Brasil passa de 260 milhões de linhas ativas de telefonia móvel 
(Fonte da imagem: Thinkstock)

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou o relatório mensal com o número de linhas móveis ativas (ou telefones celular em atividade) no Brasil. No mês de novembro, o país chegou aos 260,04 milhões de linhas, uma adição de 745 mil às já existentes.
A teledensidade (quantidade de celulares por habitante) é de 131,99 – sendo que o número é calculado em número de acessos por cem habitantes. As linhas pré-pagas ainda são as favoritas (80,77% do mercado), com 210,04 milhões de linhas, contra os 50 milhões do pós-pago, dona da porcentagem restante.
O maior número de linhas por região do Brasil foi no Nordeste: 64,05 milhões. Já a teledensidade mais acentuada é na Centro-Oeste, com 157,02 acessos por 100 habitantes. Por fim, em constante crescimento, os terminais responsáveis por emitir o sinal de banda larga 3G confirmaram que foram 62,58 milhões de acessos por essa tecnologia.
Você pode conferir o relatório completo, que inclui números separados por estado, clicando neste link.
Fonte: Anatel